FASETE - Faculdade de Sete de Setembro

Revista Rios Eletrônica

Revista Eletrônica da Faculda Sete de Setembro - FASETE
ISSN 1982-055


Edição 2015

A PRESENÇA MASCULINA E A SOCIEDADE LISBOETA EM OS MAIAS, DE EÇA DE QUEIRÓS

Maria do Socorro Pereira de Almeida

RESUMO

O artigo observa em Os Maias, de Eça de Queirós, como se revela a sociedade lisboeta do século XIX e como as personagens masculinas representam essa sociedade em Portugal. Busca-se perscrutar também, representados especialmente pelas figuras masculinas, aspectos de alguns movimentos literários e os conflitos de gerações. Para tal objetivo, nos embasamos teoricamente em algumas perspectivas dos estudos de gênero, dos aspectos realistas na literatura do século XIX e contemporânea, bem como em aspectos filosóficos e na leitura analítica da obra. Entre os estudiosos aos quais recorremos estão Rose Marie Muraro, Simone de Beauvoir, Leonardo Boff, Anacleto, Marcuse, Otavio Paz entre outros. Ao final, foi possível perceber que, embora a obra apresente a traição, o triângulo amoroso, o dinheiro, o interesse e tudo mais que constam nas obras realistas, não é o triângulo em si que dá sustentação a ela, a performance em torno desse núcleo é toda masculina, como se, aos olhos da sociedade, os homens fossem realmente a pilastra de sustentação social.

PALAVRAS-CHAVE: Eça de Queirós. Os Maias. Patriarcalismo. Gênero. Sociedade.

ABSTRACT

The article observes in Os Maias, by Eça de Queirós, how is revealed the Lisbon society of the XIX century, and how the male characters represent this society. We also seek to investigate, specially represented by male figures, aspects of some literary movements and generation conflicts. For this objective, we base the theory on some perspectives of gender studies, of the realistic aspects in literature from the XIX century and contemporary literature, as well as philosophical aspects in the analytical reading of the work. Among the scholars to whom we refer are Rose Marie Muraro, Simone de Beauvoir, Leonardo Boff, Anacletus, Marcuse, Octavio Paz and others. At the end, it was possible to perceive that, although the work presents betrayal, the love triangle, the money, the interest and everything else that appears in realistic works, it is not the triangle itself that supports the work, the performance around this core is totally male, as if, through the eyes of society, men were really the pillar of social sustaining.

KEYWORDS: Eça de Queirós. Os Maias. Patriarchalism. Gender. Society.

PDF


Conteúdo da revista

Pesquisa

Indexadores

  • LatIndex
  • LivRe!
  • LivRe!

Organização Sete de Setembro de Cultura e Ensino LTDA
Rua Vereador José Moreira nº 1000 - Perpétuo Socorro - CEP: 48603-004 - Fone/Fax: (75) 3501-0777 - Paulo Afonso - Bahia - Brasil