Datas importantes

Até 27/05 Divulgação instruções técnicas Acesse o manual INEP
Até 10/06 Divulgação das diretrizes para as provas INEP
15/06 a 29/06 Período de inscrição de estudantes irregulares junto ao Enade de anos anteriores (art. 8º da Portaria Normativa nº 03 de 06/03) para regularização da situação do componente curricular IES
06/07 a 07/08 Período de inscrição de estudantes habilitados (regulares) ao Enade 2016 (art. 9º da Portaria Normativa nº 03 de 06/03) IES
12/08 a 21/08 Período de divulgação pública da lista de estudantes inscritos pela IES Consultar INEP
12/08 a 31/08 Período para retificação ou inscrição de estudantes habilitados ao Enade 2016 (art. 11º da Portaria Normativa nº 03 de 06/03) ESTUDANTE
IES
12/08 a 31/08 Período para alteração de localidade de prova para estudantes amparados pelo artigo 13º da Portaria Normativa nº 03 de 06/03 IES
20/10 a 20/11 Período para resposta eletrônica ao Questionário do Estudante, consulta ao local de prova e impressão do Cartão de Informação do Estudante Acessar o site
20/11 Aplicação da prova do Enade 2016 INEP
Dezembro Previsão de divulgação da Relação de Estudantes em Situação Regular INEP

Sobre o Enade

O Enade é um exame que afere o desempenho de estudantes com relação aos conteúdos previstos nas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs), quanto a Formação Geral, Habilidades e Competências necessárias à formação e ao exercício profissional. Trata-se de um exame confiável, testado e utilizado há mais de 12 anos, desenvolvido por especialistas em educação e formação profissional. Através da Avaliação do Enade é possível saber qual o seu desempenho com relação aos conteúdos de aprendizagem previstos para o curso. O Enade é um componente curricular obrigatório, composto de uma prova geral de conhecimentos e uma prova específica de cada área, voltada a aferir as competências, habilidades e conteúdos agregados durante a formação. Para os alunos que estiverem inscritos e não comparecerem a prova, a Universidade fica impedida de emitir a certidão de colação de grau e/ou diploma do estudante. No Enade de 2016 os estudantes inscritos como concluintes dos cursos participantes, farão o exame.

Objetivos

Verificar seu desempenho em relação:
  • a suas habilidades de adequação à evolução do conhecimento;
  • a suas competências para entender temas ligados a realidade brasileira, realidade mundial e a outras áreas do conhecimento;
  • ao seu progresso nos itens que contribuem para sua formação e assimilação de competências;
  • ao seu progresso para compreender temas exteriores ao âmbito específico de sua profissão.
Vantagens de um bom desempenho no Enade:
  • Reconhecimento do curso nacionalmente;
  • Reconhecimento de alunos diferenciados;
  • Melhor visibilidade e acolhimento no mercado de trabalho.
Ao obter um bom conceito no Enade você estará:
  • Informando à sociedade a qualidade do seu curso, da sua universidade e de seus docentes;
  • Informando à sociedade sua preparação para o exercício profissional;
  • Informando para o mercado de trabalho e para a sociedade o valor do seu diploma;
  • Indicando para as empresas (empregadores) qual o conjunto de habilidades e competências o seu curso foi capaz de desenvolver;
  • Informando aos colegas de outros cursos a qualidade do seu curso em relação a outros disponíveis na cidade e no estado;
  • Ao obter um desempenho inferior no Enade, estará comprometendo alunos que precisam de financiamento estudantil para acesso ao ensino superior.
Você sabia que ao obter um bom desempenho na prova do Enade estará:
  • Ampliando oportunidades de estudantes de famílias de baixa renda terem acesso a educação superior através do FIES e PROUNI;
  • Representando colegas do curso não credenciados para fazer a prova do Enade;
  • Concorrendo a bolsas de estudo em cursos de mestrado e doutorado fornecidas pelo MEC;
  • Representando os docentes de seu curso;
  • Representando o seu curso em relação aos demais cursos da cidade, do estado e do Brasil;
  • Representando sua universidade.

Dúvidas Frequentes

O Enade é obrigatório?
Conforme disposição do art. 5º, § 5º, da Lei nº. 10.861/2004, o Enade constitui-se componente curricular obrigatório, sendo inscrita no histórico escolar do estudante somente a situação regular com relação a essa obrigação. O estudante selecionado que não comparecer ao Exame estará em situação irregular junto ao Enade.
Qual o objetivo do Enade?
O objetivo do Enade é avaliar e acompanhar o processo de aprendizagem e o desempenho acadêmico dos estudantes em relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares do respectivo curso de graduação; suas habilidades para ajustamento às exigências decorrentes da evolução do conhecimento e competências para compreender temas exteriores ao âmbito específico da profissão escolhida, ligados à realidade brasileira e mundial e a outras áreas do conhecimento.
Quais os instrumentos básicos do Enade?
  • A prova;
  • O questionário de impressões dos estudantes sobre a prova;
  • O questionário do estudante; e
  • O questionário do coordenador(a) do curso.
Como são definidas as áreas que serão avaliadas no Enade?
O Ministério da Educação define, anualmente, as áreas propostas pela Comissão de Avaliação da Educação Superior (Conaes), órgão colegiado de coordenação e supervisão do Sinaes. A periodicidade máxima de aplicação do Enade em cada área será trienal.
Quais as áreas que serão avaliadas no Enade 2016?
Conforme a Portaria Normativa nº 05 de 09 de março de 2016, serão avaliados pelo Enade 2016 os cursos que:
  • I - que conferem diploma de bacharel nas áreas de: a Agronomia; Biomedicina; Educação Física; Enfermagem; Farmácia; Fisioterapia; Fonoaudiologia; Medicina; Medicina Veterinária; Nutrição; Odontologia; Serviço Social; Zootecnia.
Quando será realizado o Enade 2016?
O Enade 2016 será aplicado no dia 20 de novembro de 2016, com início às 13h (treze horas) do horário oficial de Brasília (DF), e terá a duração de 4 (quatro) horas. Não será permitida a entrada no local da prova após esse horário. Os estudantes que participarão da prova deverão apresentar-se no local definido pelo Inep, para localizar a sala, assinar a lista de presença e cumprir outros requisitos, munidos de documento oficial de identificação (com fotografia), e caneta esferográfica de tinta preta, feita em material transparente para responder tanto as questões objetivas quanto as discursivas. A participação no Enade 2016 será atestada a partir da assinatura do estudante na lista de presença de sala e no cartão de respostas às questões objetivas da prova.
Quais os estudantes habilitados a participar do Enade?
Em 2016, somente os estudantes concluintes participarão da prova a ser aplicada em 20/11/2016.Estudantes CONCLUINTES dos Cursos de Bacharelado são aqueles que tenham expectativa de conclusão do curso até julho de 2017 ou que tenham cumprido oitenta por cento ou mais da carga horária mínima do currículo do curso da IES até o dia 31 de agosto de 2016.
O que se entende por "Estudantes Ingressantes"?
Estudantes ingressantes são aqueles que tenham iniciado o respectivo curso no ano de 2016, devidamente matriculados, e que tenham de zero a vinte e cinco por cento da carga horária mínima do currículo do curso cumprida até o dia 31 de agosto de 2016.
O que se entende por "Estudantes Concluintes"?
Estudantes concluintes dos Cursos de Bacharelado são aqueles que tenham expectativa de conclusão do curso até julho de 2017 ou que tenham cumprido oitenta por cento ou mais da carga horária mínima do currículo do curso da IES até o dia 31 de agosto de 2016.
Estudantes concluintes dos Cursos Superiores de Tecnologia são aqueles que tenham expectativa de conclusão do curso até dezembro de 2016 ou que tenham cumprido setenta e cinco por cento ou mais da carga horária mínima do currículo do curso da IES até o dia 31 de agosto de 2016
O estudante habilitado ao Enade é obrigado a participar do Exame?
Sim. A participação do estudante habilitado ao Enade é condição indispensável ao registro da regularidade no histórico escolar, assim como à expedição do diploma pela IES. Em 2016, somente os estudantes concluintes participarão da prova a ser aplicada em 20/11/2016.
Qual a situação do estudante concluinte, habilitado ao Enade, que não realizar a prova?
O estudante concluinte habilitado ao Enade 2016, que não realizar a prova, não poderá receber o seu diploma enquanto não regularizar a sua situação junto ao Enade, haja vista não ter concluído o respectivo curso de graduação (o Enade é componente curricular obrigatório).
Os estudantes em situação irregular junto ao Enade de anos anteriores podem regularizar sua situação no Enade 2016?
Conforme disposição do art. 8º da Portaria Normativa nº 05 de 09 de março de 2016, os estudantes ingressantes e concluintes em situação irregular junto ao Enade deverão regularizar a situação sendo inscritos no Enade 2016.
São considerados irregulares todos os estudantes habilitados ao Enade de anos anteriores que não tenham sido inscritos ou não tenham realizado o Exame, fora das hipóteses de dispensa referidas nos §§ 2º, 3º, 4º e 5º do artigo 33-G da Portaria Normativa no 40/2007, em sua atual redação.
Caberá às respectivas IES, no período de 15 a 29 de junho de 2016, a inscrição dos estudantes em situação irregular junto ao Enade de anos anteriores.
Os estudantes ingressantes e concluintes em situação irregular inscritos nos termos do art. 8º da Portaria Normativa no 05/2016 serão dispensados da prova a ser aplicada em 2016 e sua situação de regularidade será atestada por meio de relatório específico a ser emitido pelo Inep.
Quais os estudantes dispensados da inscrição no Enade 2016?
As possibilidades de dispensa de inscrição no Enade 2016 estão previstas em dois dispositivos legais que são a Portaria Normativa nº 05 de 09 de março de 2016 que regulamenta o Enade 2016, e a Portaria Normativa nº. 40 de 2007, republicada em 2010, que consolida disposições sobre o Enade.
  • a) Ficam dispensados da inscrição no Enade 2016, conforme o art. 6º da Portaria Normativa nº 05 de 09 de março de 2016, estudantes que colarem grau até o dia 31 de agosto de 2016 e estudantes que estiverem oficialmente matriculados e cursando atividades curriculares fora do Brasil, na data de realização do Enade 2016, em instituição conveniada com a IES de origem do estudante.
  • b) Conforme o art.33-G da Portaria Normativa n°.40, estudante cujo ingresso ou conclusão no curso não coincidir com os anos de aplicação do Enade respectivo, observado o calendário trienal terá no histórico escolar a menção, "estudante dispensado de realização do Enade, em razão do calendário trienal". E o estudante cujo curso não participe do Enade, em virtude da ausência de Diretrizes Curriculares Nacionais ou motivos análogos, terá no histórico escolar a menção "estudante dispensado de realização do Enade, em razão da natureza do curso".